20.9.08

Jair Oliveira - Outro













Jair Oliveira - Outro
.01 instruções
.02 bom dia, anjo
.03 sou teu nêgo
.04 falso amor
.05 amor e saudade (+ed motta)
.06 dor de ressaca
.07 frio pra bem longe
.08 minuto de silêncio
.09 sorriso pra te dar
.10 vai e volta
.11 são paulo, fim do dia (vinheta)
.12 uma outra beleza
.13 local proibido
.14 ficar no escuro

Download¹- Rapidshare

E ai, pessoal! Blog .somincrementado de volta!

Tô trazendo agora esse belo trabalho do músico, e agora ator, Jair Oliveira. Para quem não se incomoda com a voz dele, e gosta da Nova MPB com pitadas eletrônicas, é um bom começo!

Bela produção, ótimos arranjos e boas composições são apresentadas por Jairzinho nesse CD, que conta com a participação de Ed Motta e grandes músicos na gravação... Carvalho, Chico Pinheiro, Da Lua, Marcelo Maita e etc.

Além das músicas em si, você pode conferir as vinhetas que são muito interessantes. Outro ponto interessantíssimo é o encarte quase todo redigido a mão, com a letra do Jair. Quem quiser conferir, pode ir atrás do CD que tava à vendas nas Americanas à R$10,00!

Registro aqui minhas preferidas: Bom Dia, Anjo, que toca nas rádios e integra um volume das famosas coletâneas da Daslu. Além dela tem Amor e Saudade, com um arranjo muito massa, e dueto impecável com o Ed Motta.

Enfim, uma boa pedida pro fim de semana ai! Abraço a todos!

Comentando os comentários:
Ae, Raphael, obrigado pela dica, curti o som do cara, sim! Té a próxima! Fica à vontade pra comentar e fazer mais pedidos.

Anônimo, é... relendo agora também tô achando o release um pouco exagerado, mas não acho que Luke se misture no meio desses tantos que tentam fazer um "groove fino", como você disse. Há realmente uma vertente pop na sua forma de cantar, mas se você assistir a alguns videos no youtube onde aparece o Edu Luke cantando ao vivo, dá pra ver que o cara tem swing e diferencial, sim.

E outra, a versão de Boa Noite não é tão batida assim, muito menos Uma Noite e Meia, com essa batida Drum´n Bass. Além disso o cara ousou em regravar Lenine em versão funk. Nesse aspecto, acho muito mais batido o CD do Zé Ricardo, que tantos elogiam, e elegem como o novo soulman brasileiro. O cara canta ruim, e regrava "Mas Que Nada", "Never Can Say Goodbye", "Ela Partiu" e "Bom Senso", em arranjos sem graça.

Enfim, acho que o cara merece o tempo de se baixar e de se ouvir, pra quem gosta de funk e de pop, também. Enfim, fica aí a minha opinião. Gostei do seu comment! Apareça sempre por aqui e fique a vontade pra fazer pedidos, sugestões e comentários também! Abraços!


2 comentários:

Felipe Garcia disse...

Esse sim, é um excelente álbum. Aliás. Jairzinho é um grande produtor além de músico, então em todos os álbuns dele, podemos sempre contar com novidades sonoras, ou novidades de arranjos e etc. O cara escolhe bem até quem ele chama pra cantar no cd dele. Um groove maravilhoso nas músicas mais dançantes e nas mais calmas como "Bom dia anjo" a gente consegue notar os "silêncios" do baixo e da bateria quando "engolem" um bumbo. Timbre perfeito dos baixos, bateria super sensata e de pegada. Por conta dos pianos, os strings de fundo são simplesmente perfeitos e os rhodes de solo dão a cama pra galera levar perfeitamente sons de guitarra, piano e sons tirados de outros teclados, inclusive alguns recursos utilizados em eletronic music. Cara, produção perfeita na minha humilde opinião. Fora as quebradas de ritmo e contratempos.

Bom, essa é a minha opinião. Baixem o CD e curtam muito.
Abraços.

Felipe Garcia disse...

Estou acompanhando o blog há pouco tempo e queria dar uma dica: Max Viana. A pesar de ser filho do Djavan a voz dele não é tão boa quanto. MAs o repertório é muito bom e a banda então nem se fala.

Tenho os dois álbuns dele. No calçadão e Com mais cor.

Abraços